2 Café Solúvel Termo - Linupcoffee

(Cód.: MKP003108000000)

Vendido e entregue por Lin Nutre

R$ 209,61

à vista

8% de desconto à vista (Pix ou Boleto)


Ou R$ 221,00 (em 1x no cartão)

Ou R$ 227,84

Em até 12x de R$ 18,99 sem juros

Calcule o Frete

2 Café Solúvel Termo - Linupcoffee

 

Lin UP Coffee  

 

Ingredientes:

Triglicerídeos de Cadeia Média (TCM), Café Solúvel, L-Glutamina, Taurina, Cacau Alcalino em pó, L-Arginina, Mate Verde em pó, Cafeína, Canela em pó, Gengibre, Cúrcuma em pó, Ácido Ascórbico (Vitamina C), Nicotinamina (Vitamina B3), Pimenta Preta moída, Piridoxina (Vitamina B6), Riboflavina (Vitamina B2), Tiamina (Vitamina B1), Ácido Fólico (Vitamina B9), Picolinato de Cromo, Cianocobalamina (Vitamina B12), espessante Goma Guar e edulcorante Stévia.
NÃO CONTÉM GLÚTEN.

 

Para que serve

 

      O Lin Up Coffee É um suplemento alimentar energético exclusivamente para você viver a sua melhor versão, podendo ser tomado em qualquer hora do dia (antes do Treino, do Trabalho, dos Estudos e quando acordar).

      O Lin UP Coffee Foi desenvolvido com 20 ingredientes de alta perfomace como Triglicerídeos de Cadeia Média (TCM), Café Solúvel, L-Glutamina, Taurina, Cacau Alcalino, L-Arginina, Mate Verde, Cafeína, Canela, Gengibre, Cúrcuma, Ácido Ascórbico (Vitamina C), Nicotinamina (Vitamina B3), Pimenta Preta moída, Piridoxina (Vitamina B6), Riboflavina (Vitamina B2), Tiamina (Vitamina B1), Ácido Fólico (Vitamina B9), Picolinato de Cromo e Cianocobalamina (Vitamina B12), que contribui para fonte de energia, concentração, acelera o metabolismo, NÃO QUEBRA JEJUM, Aliado dos músculos, previne diabetes, melhora a imunidade, controla o colesterol, combate o resfriado, contribui para o emagrecimento e entre outros benefícios.

 

Como tomar

       O Lin UP Coffee É um suplemento alimentar de uso contínuo e diário, podendo ser tomado em qualquer hora do dia (antes do Treino, do Trabalho, dos Estudos e quando acordar. Adicionar 10 gramas (3 scoops) em 100 mL de água, mexer até solubilizar completamente, ingerir após o preparo quente ou frio.

 

Benefícios

 

       - Acelera o metabolismo

       - Energia

       - Melhora o desempenho nas atividades físicas

       - Auxilia na concentração e foco

       - Diminui a FADIGA muscular

       - Protege o Sistema respiratório

       - NÃO QUEBRA O JEJUM

 

Benefícios de alguns ingredientes

 

- TCM

Fornece energia rápida para o corpo, é menos susceptível de ser armazenada como gordura corporal. Fonte fácil de combustível, mais propenso a queima da gordura. Quando TCM é metabolizado no corpo, ele se comporta como um carboidrato, e não uma gordura. Tem um efeito termogênico no corpo, mantendo seus níveis de gordura corporal para baixo, mantendo os níveis de energia. É absorvido com facilidade pelo corpo e por isso é ideal para indivíduos com problemas digestivos. Para aqueles com doença de Crohn e síndrome do intestino irritável, o efeito de TCM podem ser benéficos. Promove a saúde intestinal, eliminando microorganismos que podem causar incômodos e inflamação crônica.

 

- L- Glutamina

Imunidade: Importante principalmente para o sistema imunológico, pois ela é utilizada em altas taxas pelas células imunes que não possuem enzima necessária para produzir a glutamina. Consequentemente, o sistema imunológico é dependente da glutamina sintetizada e liberada pelo músculo esquelético (massa muscular/músculo), para assim, satisfazer suas necessidades.Intestino: Auxilia na boa saúde intestinal, com uma ação reparadora na mucosa, serve como principal fonte energética para as células da mucosa e certas células imunes, timócitos, linfócitos e macrófagos. Sem fontes energéticas suficientes, pode ocorrer prejuízo na função imunológica e atrofia das células intestinais. Nestes casos, a glutamina representa importante papel para o restabelecimento do equilíbrio intestinal.Exercícios: Quando a pessoa pratica exercícios físicos de alta intensidade ocorre um desgaste do organismo, provocadas pelo catabolismo, ou queimação muscular, que é quando há uma quebra de nutrientes e outras substâncias para obter energia. Se não houver uma reposição destes nutrientes, o tecido muscular é afetado e não se recupera. A glutamina é grande responsável por transportar nitrogênio disponível no organismo para as células do tecido muscular.

 

- Taurina:

Aliada dos músculos: Desempenha um papel importante na produção de óxido nítrico, um gás natural no corpo humano que aumenta o fluxo sanguíneo para o músculo esquelético. Como resultado, há o aumento do fluxo sanguíneo (mais oxigênio e mais nutrientes para os músculos), acelera a recuperação e reduz o cansaço muscular.Previne o diabetes: Melhora o funcionamento do metabolismo de glicose e aminoácidos. Estudos revelam que a taurina modula o controle parácrino, no qual um hormônio produzido por uma célula controla a atividade da célula vizinha, a insulina, favorecendo maior ou menor secreção do hormônio dependendo do caso. Desta forma ajuda a prevenir o diabetes.Boa para o coração: Pode auxiliar na redução dos níveis de homocisteína, um aminoácido que aumenta o risco de doenças do coração quando detectados em níveis elevados. Além disso, suplementos à base de taurina estabilizam os níveis de colesterol no sangue.

 

- L-Arginina:

Ajudar no ganho de massa muscular: Aumenta o fluxo de sangue para os músculos, além de aumentar a secreção do hormônio do crescimento, o GH, que também está relacionado com o desenvolvimento muscular.Prevenir a fadiga muscular: Favorece a produção de óxido nítrico, que atua promovendo a dilatação dos vasos sanguíneos e melhorando a capacidade contrátil do músculo, o que ajuda a diminuir e prevenir a fadiga.Melhorar a imunidade: Estimular a produção das células de defesa do organismo.Ajudar no processo de cicatrização: Aumenta a secreção de GH, que também pode estar relacionada com a cicatrização de feridas. Além disso, também está associada com a formação dos tecidos devido à sua participação direta no metabolismo celular e ação anti-inflamatória.Ajudar na eliminação de toxinas do organismo: Pode atuar diretamente no fígado promovendo a eliminação das substâncias que encontram em excesso no organismo.Auxiliar no tratamento da impotência: Aumenta a produção de óxido nítrico, que devido ao seu efeito vasodilatador pode favorecer a ereção e a sua manutenção devido ao aumento da quantidade de sangue que chega ao local.Fortalecer e hidratar os cabelos: Aumenta a formação da queratina.

 

- Cafeína:

      A cafeína atua no sistema nervoso central como um estimulante direto por inibir a ação da adenosina, sendo esta substância uma participante do sistema de freio do cérebro, funcionando como um discreto calmante. Ao diminuir os efeitos da adenosina, a cafeína deixa nosso cérebro em constante alerta e com mais atenção e concentração, diminuindo também a fadiga mental. É possível que a cafeína também estimule a produção cerebral de neurotransmissores como serotonina e dopamina, funcionando assim como um leve antidepressivo.

     Outro efeito também conhecido da cafeína é causar uma dilatação dos brônquios pulmonares, otimizando assim a capacidade respiratória. Os estudos mostram que um dos motivos do melhor rendimento dos atletas com o consumo prévio de cafeína antes das atividades físicas é a melhora da capacidade respiratória com melhor oxigenação dos músculos, melhorando assim seu rendimento.

     É sabido também que a cafeína estimula a lipólise por inibir uma enzima chamada fosfodiesterase. O que é a lipólise? São as células de gordura (adipócitos) estocadas em nosso corpo para gerar combustível para queima durante os momentos que o corpo necessita de um extra de energia para manter as atividades musculares que estão sendo exigidas. Este é o famoso efeito termogênico da cafeína, ou seja, ao transformar a gordura em fonte de energia há geração de calor e elevação da temperatura corporal (termogênese).

 

- Canela

Previne e controla o diabetes: Um estudo publicado no Journal of Agricultural and Food Chemistry dos Estados Unidos observou que a canela contribuiu para o aumento do metabolismo do açúcar nas células de gordura, o que ajuda na prevenção do diabetes tipo 2 e também de doenças cardiovasculares. A canela possui cromo. Este nutriente pode aumentar a sensibilidade à insulina, quando isso acontece há um risco maior de a pessoa desenvolver uma resistência à insulina e consequentemente o diabetes. Assim, o pâncreas precisa produzir menos insulina, o que evita que os órgãos se tornem resistentes ao hormônio sem que seja preciso mais dessa substância para absorver a mesma quantidade de açúcar, quadro que pode evoluir para diabetes tipo 2. A especiaria ainda conta com o polifenol MHCP que melhora a ação da insulina nas células, contribuindo para a redução dos níveis de glicose no sangue. Assim, a canela é uma grande aliada no controle do diabetes tipo 2. Os resultados positivos da canela também foram observados em mulheres com resistência à insulina associada à Síndrome do Ovário Policístico.Controla o colesterol: Um estudo publicado pela American Diabetes Association, dos Estados Unidos, com 60 pessoas observou que o consumo de canela por 40 dias contribuiu para a diminuição do colesterol total, a redução variou entre 12 e 26%, enquanto do colesterol ruim, LDL, a redução variou de 7 a 27%. Acredita-se que este benefício ocorra devido às ações antioxidante e anti-inflamatória da canela. Porém, especialistas afirmam que ainda são necessários mais estudos para poder afirmar que a canela de fato contribui para a redução do colesterol.Controla o triglicérides: O mesmo estudo publicado pela American Diabetes Association, dos Estados Unidos também observou a redução dos níveis de triglicérides, diminuição que variou de 23 a 30%, após 40 dias consumindo a canela. Os altos níveis de triglicérides aumentam os riscos de desenvolver diabetes e doenças coronarianas. Assim como no caso do colesterol, os especialistas também afirmam que ainda são necessários mais estudos para poder afirmar que a canela de fato contribui para a redução dos níveis de triglicérides.Combate o resfriado: Possui um efeito imunomodulador que contribui para melhorar a resposta do organismo contra o vírus causador de gripes. Então, pode-se dizer que essa especiaria estimula o sistema imunológico.Contribui para o emagrecimento: Aumenta o gasto calórico do organismo durante a digestão e o processo metabólico. Além disso, tem ação anti-inflamatória o que faz com que seu consumo seja interessante para pessoas com obesidade, já que esses indivíduos possuem um quadro de inflamação crônica.Ação antioxidante: Neutraliza os radicais livres, esta ação proporciona estão prevenir o envelhecimento precoce, doenças degenerativas como o Alzheimer e tumores.

 

- Gengibre:

       O gengibre é uma raiz tuberosa usada tanto na culinária quanto na medicina. A planta assume múltiplos benefícios terapêuticos: tem ação bactericida, é desintoxicante e ainda melhora o desempenho do sistema digestivo, respiratório e circulatório, também é reconhecido como alimento termogênico, que pode ser capaz de acelerar o metabolismo e favorecer a queima de gordura corporal.

       O gengibre é referência em problemas estomacais, pois combate enjoo, gases, indigestão, náuseas causadas pelo tratamento do câncer e perda de apetite. Também auxilia na digestão de alimentos gordurosos e protege o fígado. Não é à toa que uma substância presente na raiz do gengibre é usada na fabricação de medicamentos laxantes, antigases e antiácidos.

       Graças ao poder anti-inflamatório, o gengibre ainda é usado para aliviar dores decorrentes da artrite, dores musculares, infecções do trato respiratório, tosse, asma e bronquite. A planta integra a formulação de xaropes por causa de sua ação anti-inflamatória e antimicrobiana.

 

- Cúrcuma:

Forte ação anti-inflamatóriaAção antioxidanteAliado contra a artriteBom contra o câncerBom para o cérebroAge contra a depressãoBom para o coraçãoAjuda na perda de pesoBom contra a acne

 

       O açafrão contém diversos minerais e vitaminas, com destaque para o potássio, que ajuda a controlar a pressão arterial e previne derrames. Também é fonte de vitaminas C (aliada da imunidade), vitamina B6 (benéfica para o cérebro), Ferro (previne anemias), manganês (essencial para o metabolismo do colesterol e para o crescimento), cálcio (aliado dos ossos e dentes), magnésio (importante para o metabolismo de glicose), proteína (boa para os músculos), gordura e um elevado teor de fibra solúvel (melhora o trânsito intestinal) estão presentes no açafrão-da-terra.

      No entanto, o seu grande valor reside na curcumina, um polifenol com ação antioxidante e anti-inflamatória, responsável pela cor amarela intensa do açafrão. São inúmeros os benefícios da curcumina, principalmente pelo seu efeito antioxidante e anti-inflamatório. Ela contribui para o combate ao câncer de próstata, mama, melanoma, pâncreas, diminui o risco de leucemia e mieloma múltiplo, e a ocorrência de metástases em diversos tumores.

 

- Pimenta Preta:

Ajudam a emagrecer: Aumenta o gasto calórico do organismo durante a digestão e o processo metabólico.Boa para o coração: Ajuda a diminuir os níveis do colesterol ruim, LDL, pode reduzir coágulos no sangue por ter ação vasodilatadora e aumento da excreção fecal de gorduras. O resultado é a redução do risco de problemas como hipertensão, infarto e outras doenças cardiovasculares.Boa para os dentes: Estimula a salivação e desta forma neutraliza os ácidos da saliva e protege os dentes e gengivas. Além disso, ela é rica em vitamina C que fornece resistência aos ossos e dentes.Protege o estômago: Alguns estudos defendem que a capsaicina presente nas pimentas tem um efeito gastroprotetor, pois aumenta a produção do muco gástrico. Ela também pode combater a bactéria que provoca gastrites e úlceras estomacais.

 

- Picolinato de Cromo:

Previne o diabetes: O cromo facilita a ação da insulina, permitindo que ela consiga inserir a glicose nas células com maior facilidade. Pacientes com diabetes tipo um ou tipo dois e que fazem uso de insulina devem evitar o suplemento de cromo, pois isto pode levar a um quadro de hipoglicemia.Controla o colesterol: Estudos apontam que o cromo evita a produção excessiva de uma enzima que estimula a produção de colesterol no fígado. Assim, boas quantidades deste nutriente controlam o colesterol total e o colesterol ruim, LDL.Bom em casos de Síndrome dos Ovários Policísticos: Pessoas que sofrem com a Síndrome dos Ovários Policísticos têm mais chances de desenvolver o quadro de resistência à insulina, no qual a insulina fica com menor capacidade de colocar a glicose nas células.Diminui a vontade de doce: Quando a glicose não entra em boas quantidades na célula, há um mecanismo que avisa o cérebro que está faltando algo e há fome. Por isso, o cromo reduz o desejo por doce, já que o mineral facilita a entrada da glicose na célula.

Imagem do produto
Imagem do produto

Confirme o produto selecionado

Você selecionou:

A escolha está correta?